×
Compartilhar Inscreva-se

O segredo do bife à parmegiana perfeito: dicas infalíveis

como fazer bife à parmegiana

Apesar da pronúncia que lembra o idioma italiano, o clássico bife à parmegiana não é uma invenção da Itália. Ele é uma receita 100% brasileira, mas que, sim, tem influência do povo italiano, em especial em função do queijo que vai na receita. 

História à parte, esse é um prato que – ao contrário de muitos outros – não divide opiniões: ele é super saboroso e agrada a todos os paladares. No almoço ou no jantar, um bife à parmegiana sempre vai bem e permite variar os acompanhamentos e também as bebidas.

A mistura do molho, com a milanesa bem crocante e, ainda, com o toque especial do queijo fazem com que a receita de bife à parmegiana realmente seja um dos principais pedidos e escolhas nas refeições dos brasileiros.

Então, que tal aprender o segredo do bife à parmegiana perfeito? Aqui, a gente traz a receita completa e mais algumas dicas que vão ser super úteis!

Os ingredientes perfeitos para seu parmegiana 

Com tantas texturas e sabores, é preciso ficar atento para que não falte nenhum ingrediente na hora de preparar a receita do bife à parmegiana. Aqui, nós listamos tudo para facilitar para você!

Considere que essa receita fornece 2 porções, portanto, para duas pessoas, ok?

Ingredientes:

– 2 bifes de filé mignon

– ⅔ de xícara de chá de molho de tomate

– ½ cebola

– 1 tomate

– 4 fatias de queijo mussarela

– 1 xícara de chá de farinha de trigo

– ½ xícara de chá de farinha de rosca

– 1 ovo

– 2 ½ xícaras de óleo

– Sal e pimenta do reino

– Queijo ralado

– Orégano

Vale lembrar que quando se trata de carne bovina, o corte para o bife à parmegiana pode variar, usando o próprio filé mignon, bem como cortes de contrafilé ou alcatra, por serem macios e suculentos.

Outra dica é sobre o queijo ralado: em especial, é indicado usar o queijo parmesão por ele derreter melhor e combinar muito bem com a receita. 

Como fazer bife à parmegiana 

Agora que já falamos sobre os ingredientes que não podem faltar no preparo dessa receita, é hora de efetivamente saber como fazer bife à parmegiana simples, porém, tradicional e, acima de tudo, de-li-cio-so!

Antes de mais nada, comece temperando os bifes com sal e pimenta do reino e deixe descansando por cerca de 30 minutos. 

Depois, é hora de passar os bifes já temperados na farinha de trigo, no ovo e, por fim, na farinha de rosca. Após esse processo, frite os bifes em óleo bem quente e deixe-os dourar para que fiquem bem crocantes. Escorra em papel toalha, coloque-os lado a lado em um refratário de sua escolha e reserve.

Em uma panela, coloque a cebola e o tomate picados para fritar no azeite. Adicione o molho de tomate até dar ponto. Despeje sobre os bifes no refratário e, após, cubra com o queijo mussarela. 

Salpique o orégano e o queijo parmesão e leve ao forno preaquecido a 180º por 10 minutos. Pronto! Agora é só servir!

Melhores acompanhamentos para o bife à parmegiana

Melhores acompanhamentos para o bife à parmegiana

O bife à parmegiana é, sem dúvidas, a estrela da refeição, mas ele vai super bem com um – ou mais – acompanhamentos, que vão realçar seu sabor. Abaixo, nós selecionamos alguns para você já ir pensando qual vai ser a sua próxima escolha!

O primeiro é praticamente indiscutível: bife à parmegiana combina muito com arroz. Aí, você pode variar: arroz à grega, arroz com legumes, arroz integral ou, somente, o tradicional arroz branco. Qualquer um dá super certo!

Outra dica é a batata frita. Se for no almoço, você pode fazer o arroz junto com a batata frita, que você terá uma refeição que certamente vai saciar a tarde toda. 

Para quem não dispensa a presença das verduras, uma boa salada verde, como o alface ou rúcula, também são excelentes acompanhamentos para bife à parmegiana. A salada deixa a refeição mais leve e refrescante.

Mas, se você quer inovar, vale apostar em um espaguete na manteiga como acompanhamento. Esse sim, com toda certeza, vai surpreender quem experimentar!

Bebidas que harmonizam com o prato 

Além do bife à parmegiana que, por si só já é “um prato cheio”, e dos acompanhamentos, não poderíamos deixar de fora as sugestões de bebidas que harmonizam com essa refeição. Aqui também tem opções para todos os gostos. 

Vinho tinto seco

Como se trata de uma receita com mais gordura e texturas variadas, a primeira aposta é em um vinho tinto seco. Sua acidez mais destacada vai combinar super bem com a crocância do bife. 

Vinho rosé

Ainda na linha dos vinhos, também há o vinho rosé, que pode realçar o sabor do prato, em especial, do tomate. E o segredo é servi-lo mais gelado para contrastar e dar match com a suculência da carne.

Cerveja de estilo mais encorpado

Para quem prefere uma boa cerveja, é possível harmonizar com bife à parmegiana também. A dica é escolher opções mais encorpadas, como a Pale Ale. São bebidas com mais lúpulo e mais “presença”. 

Água com gás

Se a sua vibe não é a bebida com álcool, tem opção também e, aqui, a dica não poderia ser mais simples. A água com gás é a melhor pedida! Ela oferece refrescância sem interferir no sabor do prato.

Bora experimentar todas essas dicas? É hora de dividir a cozinha – ou cozinhar sozinho mesmo – para preparar um bife à parmegiana delicioso! 

Teste as dicas que compartilhamos aqui e aproveite para fazer novas combinações no acompanhamento e na bebida para descobrir novos sabores na receita de bife à parmegiana. E lembre-se que aqui no blog, você sempre encontra dicas e receitas super gostosas para o dia a dia e também para ocasiões especiais!

Compartilhe

© Copyright • Frigorífico Arvoredo •
Política de privacidade • Dev by 2op